Nos Bastidores do Remake

Querida comunidade,

Hoje, convidamos vocês para uma viagem exclusiva pelos bastidores da criação do nosso remake. Vamos começar com um olhar retrospectivo:

Em junho de 2023, vocês experimentaram um protótipo inicial na ilha Proxima, desenvolvido em pouco tempo por uma equipe restrita. Apesar de suas imperfeições, esse protótipo foi um trampolim essencial para dialogar com vocês e entender suas expectativas.

Esse protótipo foi construído usando o Unreal Engine 5, com uma reconstrução quase manual da ilha. Diante do desafio de reproduzir este método para um mundo mais amplo em um tempo limitado, optamos por uma reformulação completa do jogo, baseada em novas fundações. Mas, qual é a natureza dessas novas bases?

A resposta está no trabalho de Sébastien Viannay, desenvolvedor nos jogos originais, bem como no port para mobile. Foi precisamente durante o trabalho neste último que Seb desenvolveu uma pequena ferramenta para implementar o pathfinding – isto é, a capacidade de tocar em um lugar na tela e fazer com que o Twinsen siga essa direção. Esta ferramenta interpreta os dados do jogo original para reconstruir o nível e conhecer os obstáculos.

Essa ferramenta abriu um novo mundo para nós: usar os dados do jogo original em um motor de jogo moderno. Concretamente, toda a lógica do jogo (missões, diálogos, níveis, até as animações) está em forma de dados. Ao importá-los para um novo motor, podemos não apenas reproduzir fielmente o jogo mas também reinventá-lo.

O único problema nesta história? Seb desenvolveu essa ferramenta no Unity 😅. Após tentativas de transferir essa ferramenta para o Unreal, tomamos a decisão estratégica de migrar para o Unity durante o verão.

Como estamos desenvolvendo o remake

Nossa aventura, portanto, continua no Unity, utilizando os dados originais. Aqui estão as etapas-chave do nosso projeto:

  1. Transposição do jogo original para o Unity: Nosso objetivo é preservar a essência e a lógica do jogo original. Um dos desafios principais é adaptar as cenas originais para a continuidade geográfica, um aspecto que detalharemos em um artigo dedicado.
  2. Inspirar-se no protótipo Unreal para aperfeiçoar os movimentos e controles do Twinsen: Queremos melhorar a experiência de jogo enquanto permanecemos fiéis ao original.
  3. Enriquecer a narrativa: Planejamos ajustar algumas sequências do jogo, como por exemplo, a redução dos vai e vem repetitivos entre os hemisférios Norte e Sul.
  4. Reconstituição das ilhas em 3D com uma nova direção artística: Estamos reimaginando as ilhas para oferecer uma experiência visual única.
  5. Recriação de todos os personagens e animações: Cada personagem e animação será refeito para corresponder aos nossos padrões de qualidade atuais.

A importação dos dados originais para o Unity

No vídeo abaixo, vocês descobrirão como a importação de uma cena do jogo original é reproduzida no Unity. Lembre-se de ativar as legendas para ter todas as informações.

Neste vídeo, mostramos a ferramenta que desenvolvemos para importar os dados do jogo original. Não usamos as texturas originais no jogo final. Isso serve apenas para nos auxiliar no desenvolvimento.

Descubram a importação das cenas do jogo original para o Unity

No próximo artigo, explicaremos o desafio que representa a continuidade geográfica.

Até breve!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima